O PTI

Ñandeva

Desde 2004, o setor artesanal da Região Trinacional do Iguassu (Argentina, Brasil e Paraguai) tem sido impulsionado pelo programa Ñandeva (“Todos nós” no idioma Guarani), por meio da capacitação técnica de artesãos, da transferência de tecnologias e da busca por canais de comercialização para os produtos certificados.

 

Além de promover o desenvolvimento do artesanato, o Ñandeva contribui para o fortalecimento da identidade cultural da região, por meio da inserção de elementos e ícones que remetem à cultura desses povos.

 

Área de abrangência

 

A área de abrangência do Ñandeva está situada ao longo do rio Paraná, numa extensão de aproximadamente 600 km. No Brasil, abrange os municípios da Costa Oeste do Paraná. Na Argentina, os municípios do estado de Misiones, saindo de Puerto Iguazu até Posadas, e, no Paraguai, de Ciudad del Este até Encarnacion, na região compreendida pelos estados de Alto Paraná e Itapúa.

Entre os parceiros do programa estão: Fundação PTI (Brasil e Paraguai), Itaipu, Sebrae, Conselho dos Municípios Lindeiros, Instituto Paraguayo de Artesanía, Universidad Nacional de Misiones e Fundación Artesanía Misioneras.

 

  • 566 artesãos cadastrados;

  • 365 participantes em oficinas de artesanato;

  • 143 atendimentos personalizados a artesãos;

  • 115 produtos em comercialização;

  • 1 ponto de venda credenciado.

 

- Em 2012, o Ñandeva lançou o livro “O Sol é Lindeiro”, uma obra de 180 páginas que envolveu 85 artesãos de 8 municípios lindeiros ao Lago de Itaipu. O livro registra um pouco de seus costumes, origens e identidade, representados por meio da arte e do artesanato local;

 

- Uma peça desenvolvida pela artesã Dirceia Braga, que integra a equipe de artesãos do Ñandeva, foi escolhida pela presidente Dilma Rousseff para presentear os chefes de Estados de diversos países que participaram do evento Rio+20.

 

Para conhecer mais sobre o programa Ñandeva, visite o site: www.nandeva.org