Conselheiros paraguaios de Itaipu conheceram programas e instalações do PTI Brasil
Representantes do PTI Paraguai em visita ao PTI Brasil na última quarta-feira

Conselheiros paraguaios de Itaipu conheceram programas e instalações do PTI Brasil

Diversos espaços do Parque foram apresentados durante a visita, realizada na última quarta-feira (06)

 

Dois conselheiros da administração de Itaipu, o coordenador da Unidade de Gestão para o Desenvolvimento e o diretor técnico da Fundação PTI do lado paraguaio vieram ao PTI - Brasil para conhecer o funcionamento da instituição.

 

Os visitantes tiveram contato com alguns projetos e ações voltados ao desenvolvimento da educação e tecnologia, já que a intenção do grupo é adaptar o modelo de funcionamento da Fundação PTI - Brasil no país vizinho.

 

Os conselheiros Roger Balbuena e Paulo Roberto, o coordenador Walter Zalazar, e o diretor técnico, Miguel Guillen, vieram ao Parque após a inauguração de uma filial da empresa canadense de energia Manitoba Hydro International, que aconteceu na manhã de ontem, no PTI Paraguai.

 

No início da visita, Miguel ficou encantado com as telas espalhadas pelo Parque, e ainda demonstrou interesse em levar a inovação também ao PTI-PY. Ainda segundo o diretor, projetos como a Estação Ciências são desenvolvidos de maneira simples, mas proporcionam alto nível de conhecimento e integração entre professores e alunos. “É a primeira vez que venho ao PTI, as instalações são divinas e agregam valores sociais, econômicos e educacionais para a sociedade”, afirmou.

 

“No que depender de nós, estamos de braços abertos para ajudá-los a desenvolver ações como essa no PTI - Paraguai. Juntos vamos articular projetos para que alcancem esse objetivo”, afirmou o diretor- superintendente da Fundação PTI - Brasil, Juan Carlos Sotuyo.

 

Além dos projetos voltados à educação, aplicados na Estação Ciências e no Polo Astronômico, os paraguaios também demonstraram grande interesse pelas ações do Biogás, realizadas através do Centro Internacional de Energias Renováveis (CIER), e dos programa de Empreendedorismo da Fundação.

 

“Com o apoio do PTI - Brasil, podemos avaliar possibilidades de trazermos nossos jovens e professores para participarem dos programas de qualificação que desenvolvem aqui, até termos nosso próprio espaço de incentivo ao estudo, tecnologia e trabalho”, destacou Miguel. Segundo o grupo, ações como essa estimulam os jovens e valorizam a autoestima.

 

Mais uma vez, abrindo caminhos para a parceria com o PTI - Paraguai, Sotuyo ainda afirmou que a estrutura do empreendedorismo, biblioteca Paulo Freire e demais instalações do PTI - Brasil estão à disposição da instituição do país vizinho, de acordo com a necessidade deles.

 

A visita, que durou cerca de três horas, passou ainda pelo Espaço do Barrageiro, Polo Darcy Ribeiro da Universidade Aberta do Brasil (UAB), Unila, Unioeste, CEASB, auditório Cesar Lattes e espaço de eventos. Além do Polo Astronômico, CIER Biogás, Estação Ciências, mirante do Edifício do Saber, Biblioteca Paulo Freire e instalações do programa de Empreendedorismo do PTI.