PTI apresenta modelo de concessão do Mercado Público para vereadores de Foz do Iguaçu

Durante encontro vereadores que integram comissão permanente de Turismo puderam fazer perguntas e contribuir com a implantação do empreendimento

O Parque Tecnológico Itaipu – Brasil (PTI-BR), recebeu na tarde desta terça-feira (13), a visita do presidente da Câmara vereador Ney Patrício e da Comissão de Turismo, Indústria e Comércio da Câmara Municipal de Vereadores de Foz do Iguaçu. O objetivo do encontro foi conhecer o modelo de concessão dos serviços de implantação, manutenção e exploração econômica do Mercado Público de Foz do Iguaçu, construído na antiga Cobal, Vila A.

Em fase final de obras, com previsão de conclusão para agosto, o mercado conta com uma área construída de 4.723,20 m² e um investimento de cerca R$ 14,5 milhões, com projeto do PTI-BR e recursos da Itaipu Binacional. A edificação existente foi totalmente revitalizada e ampliada, proporcionando uma capacidade de implantação de 72 lojas com boxes que variam de 4m² a 180m² com toda a infraestrutura e acessibilidade necessária.

Conforme destacou o diretor superintendente do PTI-BR, general Eduardo Garrido, o Mercado Público tem como principal vocação o destino gastronômico, contemplando um conjunto de lojas, espaços de conveniência, integrado com a história da cidade e a valorização da cultura local. “Além de promover a oferta de produtos e serviços de qualidade, movimentação turística e lazer para os visitantes, esse investimento também irá proporcionar mais emprego e geração de renda para a comunidade de Foz do Iguaçu e região”, afirma.

“Outra novidade será uma nova opção de passeio que o Complexo Turístico Itaipu (CTI) ofertará aos turistas e visitantes tendo como ponto de partida o Mercado Público”, comenta Garrido.

Conforme o diretor administrativo-financeiro, Flaviano Masnik, o mix inicial proposto para atividade comercial abrange os segmentos de gastronomia, empórios, serviços, hortifrutigranjeiros e souveniers. “A estimativa é que o empreendimento gere mais de 270 novas vagas de trabalho diretas e mais de 180 indiretos. Além disso, todo o recurso que será obtido por meio do Mercado Público será revertido em mais negócios e inovação para a cidade e região”, complementa.

Contribuições

Na ocasião, o presidente da Câmara Municipal, vereador Ney Patrício, a vereadora Anice Gazzaoui, o vereador João Morales e o vereador Admilson Galhardo tiveram a oportunidade de fazer perguntas sobre a implantação e dar os seus apontamentos sobre o funcionamento do mercado.

Ney Patrício, destacou a importância da conversa e agradeceu ao PTI-BR pela oportunidade do diálogo para conversar e debater em busca das melhores soluções para a comunidade.

Concessão

Durante a apresentação, o Gestor do Complexo Turístico Itaipu (CTI), Yuri Benites, explicou que o PTI-BR selecionará, por meio de Chamada Pública por Ampla Concorrência, a empresa que apresentar competência técnica mediante experiência na gestão de outros empreendimentos e ofertar maior lance. “O edital de concessão do mercado será lançado após a análise técnica das sugestões recolhidas na consulta pública. A Administração do Mercado Público englobará três fases, sendo elas, a de implantação, exploração econômica e manutenção”, ressalta.

“O processo de subcessão dos boxes será efetuado na fase de exploração econômica pela responsável pela gestão do Mercado Público”, complementa Yuri.

O prazo previsto início para a operação será de até seis meses e o tempo de cessão à empresa administradora para exploração econômica será de aproximadamente 20 anos, ambos contados da emissão do termo de início do contrato.

Consulta Pública

O PTI-BR está com a consulta pública aberta para receber contribuições para a minuta do edital de concessão. O objetivo é promover a interação com a comunidade, oportunizar um espaço de diálogo e de transparência.

Quem deseja enviar sugestões poderá participar por meio de formulário online disponível no link: https://bit.ly/3jelM3w, até a próxima segunda-feira (19).

A minuta do Termo de Referência e demais anexos estão disponíveis no site do PTI-BR: https://www.pti.org.br/avisos-de-editais/.